8 de mar de 2017

Fernando Holiday deixa as suas funções como vereador para atacar jornalista

O vereador e coordenador nacional do MBL (Movimento Brasil Livre), Fernando Holiday, parece que perdeu o rumo de seu mandato de apenas três meses ou realmente não tem demandas e questões mais importantes para resolver, em seu gabinete, na Câmara Municipal de SP.

Ao invés de discutir as questões relacionadas à cidade de São Paulo, o jovem vereador faz uso do seu expediente, na Câmara, para gravar vídeos atacando o jornalista e proprietário do portal Catraca Livre Gilberto Dimenstein. 

De acordo com as publicações nas redes socias, Holiday afirma que o jornalista, que é proprietário de um galpão na Vila Madalena, região nobre da capital Paulista, estaria sendo beneficiado pelo programa ''Ruas Abertas'' da gestão Fernando Haddad, que tem o objetivo de fechar ruas aos finais de semana para que a população desfrute com sua família. ''Ele tem um boteco que é beneficiado pela quantidade de gente que vai ao local e, consequentemente, está faturando muito mais'', afirma o vereador.

Holiday disse, ainda, que Dimenstein faz duras críticas à gestão João Dória e que estaria com medo do prefeito reaver a necessidade de deixar a rua incluída no programa, o que desfavoreceria os lucros de seu estabelecimento.



(Imagem: Facebook - ''boteco'' do jornalista Gilberto Dimenstein)


Dimenstein, por meio de seu perfil no facebook, deixou claro que qualquer pessoa que provar que o espaço de 600 metros quadrados dedicado ao projeto ''Parque da Vila'', voltado à culinária, espaço com oficinas, gincanas para as crianças, arte e música, seja um boteco e sua fonte de renda o receberá como doação. 

O jornalista pediu apenas que Holiday se retratasse e se desculpasse pela calúnia. O mesmo diz não ter medo de responder um processo e que não se retrataria. 

A questão é uma só. Fernando Holiday é pago para tratar assuntos da cidade de São Paulo, não para cuidar dos lucros e benefícios de jornalista A ou B.

A cidade vai muito bem obrigado, vereador. Continue se preocupando com a vida alheia. Político tem que trabalhar. Se queres brilho, vá atuar na novela das nove.